Contribuição da proteção solar dinâmica às fachadas de alto desempenho

postado em: Matérias | 0

“Este documento destaca alguns dos principais benefícios que a proteção solar dinâmica pode contribuir para sustentabilidade e habitabilidade de edifícios comerciais. Todas as informações são apoiadas por estudos científicos confiáveis, projetos de demonstração ou edifícios em funcionamento.”

 

Hoje, projetar e renovar um edifício é cada vez mais complexo. As alterações climáticas e a necessidade de reduzir as emissões de CO2 criaram novos desafios que já tiveram um impacto importante nas regras tradicionais e nos códigos de conduta da indústria da construção.

No entanto, mais do que serem sustentáveis em termos de energia, os edifícios são feitos para as pessoas e devem melhorar nossa qualidade de vida, tanto no trabalho quanto em casa. Os edifícios desempenham um papel importante em nos manter felizes, saudáveis e produtivos.

A fachada, sendo a interface onde a maioria das trocas térmicas ocorrem, é fundamental neste processo. É por isso que uma compreensão adequada da contribuição que a proteção solar dinâmica pode trazer é essencial hoje em dia. Neste sentido os profissionais da construção como arquitetos, projetistas e fornecedores devem trabalhar de forma integrada desde a fase conceitual do projeto concentrando-se em duas questões principais:

– Como conseguir a melhor relação entre o investimento na fachada e seu respectivo desempenho energético?

– Como proporcionar aos ocupantes um melhor conforto e qualidade de vida?

 

Aqui no Brasil, alguns escritórios de arquitetura e incorporadoras já perceberam os benefícios da proteção solar dinâmica e o estão especificando como elemento fundamental nos seus projetos de fachadas.

Ainda falta um largo caminho a percorrer e a elaboração e divulgação deste Whitepaper faz parte do compromisso da SOMFY, membro do GBC Brasil, em aumentar o conhecimento dos benefícios da proteção solar, em prol da sustentabilidade da indústria da construção.

 

Veja aqui o whitepaper completo

Deixe uma resposta