Engenheiro: 14 Sessões Educacionais que você tem que ver na Expo Greenbuilding Brasil 2016!

postado em: Sem categoria | 0

Banner

A 7° edição do Greenbuilding Brasil Conferência Internacional & Expo esta chegando! O evento é um excelente local para compartilhar experiências, aumentar o benchmarking e conectar-se com influentes personalidades do setor de construção sustentável mundial.

Por meio da plataforma de transformação de mercado, “Call for Proposal”, compartilhada com a Greenbuild – maior evento do mundo em construção sustentável – profissionais renomados se candidataram à palestrar na Conferência do GBC Brasil. Após a inscrição, cada Sessão foi revisada 6 vezes além de ser submetida à duas fases de Revisão, por cerca de 80 profissionais – 62 na primeira fase e 20 na segunda fase – que aprovam “apenas” 48 Sessões Educacionais que serão apresentadas durante os dias 09 a 11 de agosto.

Com tantas palestras interessantes para você ver, separamos 14 que todo Engenheiro tem que ver:

 

1: Eficiência Energética nas Novas Edificações do Grupo Saint Gobain

Sessão-1---A04

O objetivo da apresentação da Andressa Silveira Baldi, R&D Lab Coordinator at Saint-Gobain, do Marcelo Martins Meira, R&D Engineer at Saint-Gobain, e do Rodrigo Luis Campanhã, Engenheiro Mecânico do grupo Saint-Gobain, é de explicar as diretrizes do Programa CARE4 e do Programa Multi-Comfort. Em seguida, serão dados como exemplos dois projetos recentes no Brasil: o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento do Grupo Saint Gobain em Capivari, São Paulo, que, além de seguir as diretrizes do CARE4 e do Multi-Comfort, também será um empreendimento com certificação LEED; e os prédios administrativos da mais nova planta da Brasilit, em Seropédica, no Rio de Janeiro.

 

2: Caso de sucesso do Grupo Pão de Açúcar: Eficiência energética em Hipermercado

Sessão-2---B04Cintia Sanches, Sales Manager at Honeywell, e Pierre-Yves Mourgue, General Manager at GreenYellow Brasil, apresentarão a solução de automação para Hipermercado que resultou em uma mensurável e rápida redução no custo de energia elétrica, mantendo o conforto e experiência do consumidor.

 

3: O Ponto Ideal da Eficiência: Benefícios Econômicos e Sociais na Produção

Sessão-4---E01

Mary Frances Stotler, Gerente de Sustentabilidade do The Dennis Group, analisará os problemas de eficiência comuns em instalações de produção – consumo de eletricidade, consumo de gás natural, resíduos – e fornecerá soluções de alto nível e exemplos de estudo de caso de melhorias para estas questões. Cada medida de eficiência é vista tanto pelo lado do impacto financeiro para o negócio quanto pelos benefícios sociais. Os exemplos de áreas de melhorias de eficiência darão aos praticantes uma base para avaliar o desempenho e a eficiência energética dentro de suas próprias instalações. A sessão também vincula a importância da eficiência energética no sistema de classificação LEED.

 

4: 4 passos fundamentais para obtenção de uma real eficiência energética

Sessão-5---E04

Igor Nakamura, Account Manager at Honeywell, Leonilton Tomaz Cleto, Presidente da Yawatz Engenharia, e Jayme Spinola Castro Neto, Partner Director da SI 2 – Soluções Inteligentes Integradas, indicarão quatro passos fundamentais para se obter um sistema de automação eficiente prevendo não só o início da operação, mas sim a continuidade da eficiência ao longo de toda a vida do empreendimento. Estes passos cobrem: Projeto, Instalação/Integração, Comissionamento e Operação.

 

5: Engajando Stakeholders na busca de Materiais de Construção mais Saudáveis

Sessão-6---F01

A palestra de Karen Burbano, Design & Construction Integrator at Google, Luis Leal, consultor de sustentabilidade na CTE, e Leonardo Caion-Demaestri, Latin America Technology Practice Area Leader at Gensler, tem o objetivo de compreender a importância dos materiais de construção para espaços mais saudáveis e o programa da Google para promover o bem-estar em seus projetos, descrever o progresso da conscientização sobre a sustentabilidade de materiais, realizar conversas fundamentadas sobre materiais saudáveis com os fabricantes e compreender o uso do Portico como uma ferramenta para auxiliar no rastreamento de pontos para a certificação.

 

6: Sistemas de Telhados de Baixa Inclinação em Edifícios Sustentáveis: Climas Quentes

Sessão-7---G04

Nesta sessão, Virginia Pezzolo, parceira técnica/legal da Proassp Assessoria e Projetos, Igor Zotti, Diretor Técnico da Soprema América Latina, e Marcus Bianchi, Líder Sênior do Programa Ciências da Construção da Owens Corning, irão introduzir aspectos críticos do projeto de sistemas de coberturas de baixa inclinação, destacando os benefícios e o uso de energia associados a sistemas de coberturas, incluindo como a cor da membrana e isolamento podem desempenhar um papel importante na redução. Os palestrantes irão apresentar uma revisão do estado de arte e principais aspectos do projeto de sistemas de coberturas sustentáveis de baixa inclinação de alta desempenho a arquitetos, engenheiros, construtores, instaladores e estudantes.

 

7: Otimização de cadeia de Fornecedores: Lições aprendidas
Sessão-8---H01

A sessão de Sara Cederberg, Diretora Técnica no departamento de LEED do U.S. Green Building Council, levará os participantes através do processo de implementação dessa opção, oferecendo exemplos de políticas ambientais, de saúde e de gestão de segurança bem-sucedidas. Irá discutir quem dentro da empresa do fabricante precisa estar envolvido no processo e quem pode ser um auditor qualificado. Por último, irá discutir o que isso significa para a equipe comum do projeto LEED. O que eles devem procurar ao buscar essa opção e onde encontrar essa informação.

 

8: Controle integrado entre sistemas de AVAC, iluminação e persianas
Sessão-9---H04

A apresentação do Javier Díaz Valdivia, Engenheiro na Sustentech, demonstrará o estudo que avalia a redução no consumo de energia elétrica associada a sistemas de climatização e iluminação em uma edificação comercial, através da simulação de estratégias de integração e controle. Três diferentes níveis de integração entre a automação da persiana, da iluminação e do sistema de climatização (AVAC) foram avaliados, assim como os respectivos níveis de conforto térmico e luminoso alcançados.

 

9: Trazendo de baixo para cima: soluções mensuráveis para os edifícios existentes
Sessão-10---I02

Daniele Horton , fundadora e presidente da Verdani Partners e LEED Fellow, e Mariana Young, Gerente de Sustentabilidade da Verdani Partners, irão decorrer sobre suas experiências em diversos cases de retrofits em empreendimentos, que podem servir de exemplo para alavancar o sucesso do setor como um todo. Estas proprietárias irão discutir as estratégias, lições aprendidas e as melhores práticas de gestão que tenham efetivamente implementado para grandes resultados em edifícios existentes sustentáveis, em diversos cases .

 

10: O primeiro Edifício certificado na Construção, Ocupação e Operação
Sessão-11---I04

Wagner Oliveira, Gerente de Sistemas Prediais, Uso e Operação Sustentável e Eficiência Energética da unidade de sustentabilidade do CTE, Leandro Alves, Coordenador de Engenharia e Manutenção na Qualicorp, e Omar Maksoud Filho, proprietário da Omar Maksoud, apresentarão o estudo de custos da implementação das estratégias de sustentabilidade realizado com a expertise da construtora em parceria com consultoria do CTE, que auxiliou na tomada de decisão e definição pela certificação. Através de um case real como este, pretende-se trazer ao espectador mais de 6 anos de experiência na implementação de estratégias de sustentabilidade em um único edifício, apresentando desde a visão do cliente final, do construtor e da consultoria de sustentabilidade.

 

11: ACV para Edificação – Estudo de Caso Loja Riachuelo Ipanema
Sessão-12---J04

Cinthia Kawano, Coordenadora de Projetos Sustentáveis na empresa Sustentech, Pamella Kahn, Coordenadora de projetos sustentáveis na empresa Sustentech, e Karine Ferro, Arquiteta Sênior na Lojas Riachuelo S/A, apresentarão a ACV da edificação, que consiste no estudo completo dos impactos gerados em todo o ciclo de vida de uma edificação. A análise engloba desde a extração dos materiais que serão utilizados no edifício até o fim da vida útil do mesmo (demolição). Foi desenvolvido um estudo de caso com o edifício da loja Riachuelo Ipanema, primeira loja a buscar a certificação LEED da rede. Para tal, foi utilizada a ferramenta eTool (software de uma empresa australiana utilizado em projetos de diversos países). Serão destacados os benefícios da ACV em edifícios e a importância da análise durante a fase de projeto.

 

12: Museu do Amanhã – desafios da sustentabilidade em um projeto de alta complexidade

Sessão-13---K04-(sem-foto---Rosana-Correa)

Através da sessão de Rosana Correa, Sócia diretora da Casa do Futuro, o público poderá identificar os pontos de atenção, as estratégias de gerenciamento de um processo tão complexo, as soluções encontradas aos mais diversos problemas e os riscos do pioneirismo de algumas soluções implementadas. Agora que o Museu entra no momento de operação, serão expostos os maiores riscos e cuidados para que não haja comprometimento dos resultados de performance planejados.

 

13: Net Zero Energy: Da Concepção a Operação de Edifícios Autosuficientes

Sessão-14---L03-(falta-Ricardo-Cansian!)

A palestra de Rafael Sabetzki, Electrical Engineer, LEED AP BD+C at Petinelli, e Ricardo Cansian, Diretor e responsável técnico da RAC Engenharia, visa demonstrar viabilidade técnica e econômica de edifícios net zero otimizando investimentos em eficiência energética e energias renováveis.

 

14: Mitos e Verdades sobre o retrofit de iluminação com a tecnologia LED
Sessão-15---L04

A proposta de Igor Nobrega, Demand Generation Leader na Philips Lighting, e Camilla Viterbo, Consultora na APET – Avaliações Patrimoniais e Estudos Técnicos, será apontar os mitos e verdades que envolvem o processo de retrofit, muitas vezes confundido com a simples troca de tecnologia. Sabe-se que o trabalho de retrofit envolve questões que vão além da simples substituição. É fundamental que os equipamentos estejam vinculados ao projeto luminotécnico e às normas. Muitas empresas ligadas somente à venda de produtos não estão preocupadas em fazer com que o cliente diminua a quantidade existente, pois isto implicaria na diminuição do lucro das vendas.

 

casaUma das novidades do Greenbuilding Brasil 2016 será o Espaço Conceito GBC Brasil Casa, que consiste em uma exposição demonstrativa e educacional dos conceitos de sustentabilidade presentes nas certificações Referencial GBC Brasil Casa e LEED. Trata-se de um showroom de inovação à disposição de todos os visitantes.
Saiba mais clicando aqui

 

 

Inscreva-se-Evento Sessões-Edu---Botão-Blog Visitação---botão-blog

Deixe uma resposta